quarta-feira, 6 de agosto de 2008

Dor de estômago



Saiba quais alimentos deve-se evitar para não agravá-la

É comum as pessoas se queixarem de dor de estômago quando estão passando por períodos de stress, ansiosas ou preocupadas com algo.
Isso ocorre porque os hormônios do estresse lentificam a liberação do suco gástrico e o esvaziamento do estômago. Esses mesmos hormônios aceleram a peristalse do cólon fazendo com que o seu conteúdo se mova com mais rapidez.

Mas são exatamente estas pessoas que acabam se auto medicando, sem ao menos diminuir o ritmo, ou modificar a alimentação, que aliás, é o que mais deve receber a atenção de uma pessoa que se queixa de dores de estômago. "Existem várias recomendações importantes, mas no geral, durante os períodos de crise procure evitar alimentos gordurosos, como chocolate, produtos derivados de tomate, bebidas que contenham cafeína, hortelã e álcool, porque facilitam o refluxo do suco gástrico causando mais irritação",explica a nutricionista Mariana Soares de Melo, da Equilibrium Healthy Food.

De acordo com Mariana, alimentos ricos em fibras, como granola, muslly e produtos integrais também devem ser evitados, além dos alimentos ácidos. "Não se deve consumir leite durante a crise, por ocasionar um aumento no suco gástrico para digestão dos nutrientes", explica.

A dica da nutricionista é simples, mas pode ajudar muito "Procure comer devagar, mastigando bem os alimentos e tranquilamente, e corte bebidas e cigarro neste período".

Abaixo, a nutricionista lista alguns alimentos que deve, ser excluídos da alimentação neste período

Carne Processadas: Presunto, mortadela, copa, lombo, salsicha, linguiça, salame;

Peixes processados e salgados: sardinha, aliche

Alguns queijos: parmesão, roquefort, camenbert, provolone, queijo cremoso.

Temperos industrializados: caldo de carne, maionese, molho tártaro, extrato ou molho de tomate, molho de soja (shoyo), molho inglês, molho de salada.

Patês: comerciais ou preparados;

Salgadinhos industrializados: Chips, amendoim, nozes salgadas.

Margarina ou manteiga;

Leite não é indicado sua ingestão isolado. Preferir seus derivados, como queijos branco ou magros.

Alimentos gordurosos, produtos derivados de tomate, bebidas que contenham cafeína, hortelã e álcool;

Sucos concentrados

Alimentos estimulantes, como café, chá mate, chá preto, chocolate;

Grãos em geral: feijão, ervilha, lentilha, milho;

Alimentos que devem ser consumidos


Água, chá de frutas e ervas, suco de frutas diluídos

Frutas, gelatina, mingaus

Leite e iogurte desnatado ou light

Queijos brancos

Carnes brancas e magras (peixe, frango, perú)

Purês, batata, mandioquinha, suflês, vegetais cozidos

Geléias, mel, margarina light e em quantidade moderada

Sopas de vegetais e carne

4 comentários:

Sara disse...

Nao percebo se o leite é bom ou nao. Diz-se que antigamente era com leite que se curavam ulceras por ex.

Anónimo disse...

Pois é, fica ai uma dúvida... Eu por exemplo quando tenho essas crises tomo um copo daquele "Leite de Soja ADES", a dor passa no mesmo instante como se fosse remédio. Tem alguma explicação?

Anónimo disse...

Leite gelado. Pode aliviar a dor, mas só por uns instantes. "O leite possui algumas proteínas que neutralizam os ácidos do estômago", explica Paulo Olzon. Por ser gelado, proporciona um alívio quase que imediato. No entanto, o leite cria apenas uma máscara em volta das paredes do estômago. Conforme a digestão é realizada, a dor volta.

Anónimo disse...

Leite e queijos mais gordurosos (amarelos), assim como pão, fermento no estomago quando começam a digestão, podendo agravar a situação. Como disseram a cima, por estar geladinho, ele apenas mascara a dor dando uma sensação de alívio